Conservando Pão


Essa dica já deve ser velha conhecida de muita gente, mas não custa nada deixar o registro formal. Quando vamos à padaria comprar o famoso pão francês (que não vem da França), seja para o café da manhã ou para o lanche da tarde, sempre sobra algumas unidades. Depois de algumas horas, o pão fica duro, seco, e pras pessoas mais exigentes, impossível de ser consumido. Existe uma maneira simples de amenizar esse efeito: congelando no freezer, e depois esquentando no microondas. Sim, parece que não vai dar certo, que vai ficar um lixo, mas sendo o custo unitario do pão hoje algo em torno de 50 centavos, você pode "pagar pra ver" sem muitos prejuízos.


A primeira coisa importante a se ter em mente é que sempre vai existir uma queda na qualidade. É impossível o pão congelado ficar melhor que o fresco, recém retirado do forno, e isso é um procedimento para aumentar a disponilidade do pão (pra um lanche no meio da noite ou se der aquela preguiça de ir á padaria) sacrificando uma parte da qualidade.

Basicamente, duas coisas influenciam a qualidade do pão no microondas. A primeira é o tempo até colocar no freezer. Quanto antes o pão fresco for estocado, especialmente se ainda estiver meio úmido no miolo, melhor. Por isso é bom já estocar assim que chegar em casa... A segunda é acertar o tempo na hora de esquentar. Se deixar pouco tempo, o interior fica congelado, se passar do tempo, ele fica duro. Para acertar o ponto ótimo para a sua cozinha (seu modelo de freezer, microondas, prato) e pão (varia de acordo com onde se compra), coloque uns 30 segundos, abra e pressione o pão com o dedo para sentir se está duro por dentro. Se estiver, deixe mais 10 segundos e vá repetindo até sentir que o miolo está mole. Anote o tempo e quantas unidades esquentou para vezes futuras.


Nenhum comentário:

Postar um comentário